Atendimento: das 8h00 às 17h00 - Rua Bahia, 1264 - Centro - CEP: 15600-000 (Paço Municipal) - Fone: (17) 3465-0150

Procon de Fernandópolis dá dicas aos consumidores sobre a ‘Black Friday’

Secretaria Municipal de Gestão - 14/11/2017

4fa617d1d69a2a377bb9475e9f1c0c0fblack-friday.jpeg

Órgão já iniciou monitoramento dos preços para conferir o cumprimento das ofertas

A última semana do mês de novembro é dedicada à Black Friday no Brasil, especialmente a partir do dia 24. Para garantir boas compras e evitar dor de cabeça, o Procon de Fernandópolis oferece dicas e orientações para o consumidor.

O Procon Municipal de Fernandópolis já iniciou o monitoramento de alguns preços para conferir o cumprimento das ofertas que serão anunciadas para a Black Friday. No site do Procon São Paulo (www.procon.sp.gov.br) também há várias ferramentas de auxílio, como Atendimento ao Consumidor, SIC – Informações ao Cidadão, Orientações de Consumo, Recall, Sites úteis, Sites não recomentados, dentre outros.

As compras pela internet requerem um cuidado especial. “É preciso verificar se o site é brasileiro, cuidado com os que são “.com”. Compras de sites internacionais estão sujeitas a outros custos nem sempre informados ostensivamente (procure informações sobre o site na aba “Quem somos/sobre nós”). Além disso, as regras do Código do Consumidor não se aplicam nesse caso, se o site não possuir representantes no Brasil.Há sites conhecidos que estampam ofertas de fornecedores independentes, com preços e condições diferentes para um mesmo produto. O nome do fornecedor e os preços praticados devem estar sempre em destaque e com fácil visualização na página de venda, especialmente se o revendedor for um terceiro. É direito do consumidor ter essa informação à disposição para facilitar sua pesquisa e escolha”, explicou Ademir Alves Branco, diretor do Procon Fernandópolis.

O site do Procon disponibiliza também uma relação de sites não recomendados e o nome das empresas mais reclamadas nas últimas edições da referida promoção. Com relação às trocas, Ademir disse que o produto só é trocado se o fabricante e/ou comerciante não conseguir sanar o vício, no prazo máximo de 30 dias. No caso de compras feitas em sites, por telefone ou a domicilio, o consumidor tem sete dias a partir da compra/entrega para “se arrepender”, cancelar a compra, devolver o produto e pedir o dinheiro de volta. É fundamental sempre exigir a Nota Fiscal. “Entrando em contato por email, telefone ou via carta com aviso de recebimento você pode solicitar o seu direito de arrependimento no caso das compras à distância.Salientamos para nunca deixar para o último dia, pois se algum imprevisto ocorrer o consumidor perde esse direito”, ressaltou Ademir.

“A mesma política de troca para produtos adquiridos fora da data da referida promoção vale para os produtos comprados na Black Friday.Enfim, os produtos duráveis têm uma Garantia Legal de três meses acrescentando, na maioria dos casos, de Garantia Contratual de prazo estipulado pelo fabricante (geralmente mais nove meses)”, contou Ademir.

 

PARA FAZER BOAS COMPRAS, O PROCON TAMBÉM ORIENTA:

Faça uma lista do produto que precisa ou deseja e estipule um limite de gasto (para não estourar o orçamento);

Limite suas compras apenas àquilo que realmente precisa, evitando gastos por impulso que possam levar ao superendividamento

Acompanhe os preços dos produtos/serviços que deseja adquirir, anote preços e guarde as informações da sua pesquisa (telas, folhetos), incluindo site e data da pesquisa. Assim será mais fácil identificar as melhores ofertas e conferir os descontos durante a Black Friday;

Não compre produtos lançados na Black Friday. Tratando-se de produto de lançamento, você não tem meios de aferir se realmente algum desconto está sendo concedido e se ele vale a pena;

Compre apenas aquilo que você precisa e que conseguirá pagar. Em hipótese alguma contrate crédito para realizar suas compras e nunca entre no limite do cheque especial ou no crédito rotativo do cartão;

Verifique antecipadamente a política de troca da empresa;

Fique atento ao prazo de entrega, especialmente se o objetivo é comprar presentes para o Natal.